VOCÊ ESTÁ EM:

Cartucho de Gás Nautika Campgás

Mini
Mini
Mini
Mini
Por: R$ 12,60  
 
 
Produtos disponíveis: 6
ou R$ 11,97 no Boleto, Depósito ou Transferência Online

Opções de Pagamento
Pague com VISA em até:
  • 1x de R$ 12,60
Pague com MASTERCARD em até:
  • 1x de R$ 12,60
Pague com DINERS em até:
  • 1x de R$ 12,60
Pague com MASTERCARD MAESTRO Débito
Por R$ 12,60
Pague com BOLETO em qualquer banco até vencimento.
A vista por R$ 11,97
Faça DEPÓSITO em nossa conta.
A vista por R$ 11,97
Pague com PAGSEGURO UOL em até:
  • 1x de R$ 12,60
Pague com MOIP em até:
  • 1x de R$ 12,60
COMPARTILHE
CARACTERÍSTICAS

O Cartucho Campgás da Nautika é amplamente utilizado em fogareiros como uma substituição ao gás de cozinha tradicional, principalmente em situações como camping.

Como forma de segurança, o Campgás é esquipado com o sistema MAX CRV BUTANE de Segurança, uma tecnologia anti-explosão que garante a segurança do usuário. Além disso, conta com uma válvula de segurança que permite o engate e desengate sem vazamentos.

A nova composição química do Campgás é uma mistura de gás mais pura: Iso-butano 34%, Butano 60%, Propano 6%.

Essa nova fórmula gera um maior desempenho calórico, economia e segurança, garantindo mais autonomia em variações de temperatura e maior durabilidade.

 

- Modelo: Cartucho de Gás Nautika Campgás

- Peso liquido: 227g

- Tipo : Cartucho de gás vertical com válvula de segurança

- Material: Conteúdo de gás tipo Nor-Butano / Propano / Iso-Butano

- Compativel com : Maçarico Ikon , Maxtop, Fogareiros Frontier , Cheff

- Fabricado na Coreia do Sul

 


0 de 500
Tempo aproximado de resposta: 2 horas - De segunda à sexta feira em horário comercial.
PARCEIROS PARCEIROS
Banner
Banner
AVISO LEGAL A loja Serra Pesca se reserva o direito de cancelar a venda sempre que não haja disponível em estoque o produto. Qualquer pedido de compra com EXCEÇÃO para os seguintes estados: AM; MG; PR; RJ; SC e SP, ficará sujeito ao recolhimento de ICMS adicional pela SEFAZ (Secretária da Fazenda) no posto fiscal da fronteira do estado de destino, devido ao protocolo ICMS 21/2011 de 1º de Março de 2011, a SEFAZ do seu estado pode reter a(s) mercadoria(s) e exigir a guia de pagamento. O valor do imposto não está incluso no preço da(s) mercadoria(s) e deverá ser pago pelo cliente.